Notícias do Inter

Regulamento não deixa dúvidas e Enner Valencia não vai poder jogar pelo Inter no Brasileirão

O atacante Enner Valencia não está na lista de jogadores à disposição do técnico Eduardo Coudet. O centroavante sofreu um trauma no pé direito durante a partida contra o Grêmio, no dia 25 de fevereiro, e segue em recuperação para voltar aos gramados. Além disso, nos últimos dias, os torcedores do Inter receberam a confirmação de que ele terá uma indisponibilidade no Brasileirão.

O Campeonato Brasileiro teve seu início no final da semana passada, quando o Colorado estreou com vitória por 2 a 1, de virada, sobre o Bahia. Em seguida, na última quarta-feira (17), o Clube do Povo triunfou sobre o Palmeiras, fora de casa, por 1 a 0. A equipe está com 100% de aproveitamento na competição nacional e segue sendo pontuada como uma das candidatas ao título.

No entanto, o time comandado pelo técnico Eduardo Coudet foi notificado com uma informação preocupante para a sequência do Campeonato Brasileiro. Isso porque o atacante Enner Valencia não estará disponível em pelo menos 25% dos jogos da competição. A conta leva em consideração o fato de que ele não esteve em campo nas duas últimas rodadas.

O centroavante será impedido de entrar em campo no Brasileirão por conta do período de disputa na Copa América. Valencia é um dos selecionáveis na Seleção do Equador e, de acordo com o anúncio da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a competição nacional não será paralisada nas nove rodadas que espelham o torneio de seleções.

Enner Valencia vai ficar fora em quantas rodadas?

Diante disso, considerando que Valencia fique indisponível em todas as rodadas que englobam a disputa da Copa América, ele não estará presente em nove partidas do Campeonato Brasileiro. Ainda é preciso considerar que o atacante não entrou em campo nos dois primeiros jogos da competição. Desta forma, já está fora de pelo menos 11 enfrentamentos no nacional.

Caue Souza

Acadêmico de jornalismo. Apaixonado por esportes, principalmente o futebol, desde a infância. Escrevo sobre o Internacional no Resenha Colorada.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo