Notícias do Inter

Diogo Olivier corneteia e cita até infarto para falar sobre o Inter

O Inter confirmou a classificação na Copa Sul-Americana ao vencer o Delfín, do Equador, por 1 a 0, no Alfredo Jaconi. Diante do desempenho apresentado pelo time comandado por Eduardo Coudet, o jornalista Diogo Olivier, em sua coluna na GZH, tomou a decisão de criticar os jogadores e a comissão técnica do Colorado, já que o resultado poderia ter sido bem diferente após o apito final.

“Não sem sofrimento, o Inter está vivo na Sul-Americana. Com um show da torcida, de longe o melhor da noite, o clube escapou de um tombo que seria terrível para o emocional na temporada. Venceu o Delfín, candidato a rebaixamento no Equador, por 1 a 0. O Alfredo Jaconi lotou na volta colorada ao RS e o time se livrou da eliminação na primeira fase do torneio”, iniciou o comunicador.

O jornalista Diogo Olivier afirma que o Inter não inspira confiança. Para demonstrar a situação, ele citou que o time de Eduardo Coudet quase “matou o seu torcedor do coração” durante a partida contra o Delfín. Isso porque a equipe teve superioridade sobre os adversários, porém não conseguiu matar o placar e ficou próximo da desclassificação na Copa Sul-Americana.

“O problema é que o Inter não inspira confiança — sobretudo mental. De novo, quase matou o seu torcedor do coração. Muita posse de bola, várias finalizações, chances incríveis desperdiçadas e, com o passar do tempo, nervos à flor da pele atrapalhando a lucidez e transformando o ataque em chuveirinho. O gol saiu assim, inclusive. Escanteio, cabeceio de Vitão e gol de camisa 9 clássico por parte de Alario, na pequena área, completando para as redes aos 23 do segundo tempo”, disse o jornalista.

Inter enfrenta novo desafio na temporada

Por conta do resultado, o Inter encara o Rosario Central, da Argentina, nos playoffs da Copa Sul-Americana. A equipe adversária terminou em terceiro lugar na fase de grupos da Libertadores. O Colorado terá a vantagem de decidir o confronto de volta como mandante. A data-base para a primeira partida foi estipulada pela Conmebol no dia 17 de julho.

Caue Souza

Acadêmico de jornalismo. Apaixonado por esportes, principalmente o futebol, desde a infância. Escrevo sobre o Internacional no Resenha Colorada.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo